Teste Aprimorado de Fibrose Hepática (ELF)Tenha acesso ao Risco da progressão de NAFLD/NASH e doenças vinculadas ao fígado com um simples exame de sangue

A doença adiposa hepática não alcoólica (NAFLD) impacta mais de 1 bilhão de pessoas globalmente e é projetado que será a maior causa de mortalidade relaciona ao fígado em 20 anos.1 Conforme novas terapias se tornam disponíveis, testes não invasivos são ferramentas importantes para auxiliar na identificação de pacientes com o risco de desenvolver cirrose e doenças relacionadas ao fígado (LREs)


What is Liver Fibrosis?

NAFLD é uma condição em que excesso de gordura é depositada no fígado. O acúmulo de gordura não é causado por grande consumo de álcool.

  • Existem 2 tipos de NAFLD: fígado gorduroso simples (esteatose simples) e esteatohepatite não alcoólica (NASH)
  • Comorbidades como obesidade, e diabetes tipo 2 estão relacionadas com a NAFLD.2
  • É previsto que a NAFLD será uma grande indicação para necessidade de transplante de fígado nos próximos 10 anos.3

 

Desafios para os Pacientes de NAFLD

  • Diferenciar NASH de esteatose simples e identificar pacientes com NASH com fibrose avançada.
  • Apesar de ser o padrão ouro para o diagnóstico de fibrose hepática, a biópsia hepática é um procedimento doloroso e invasivo associado com variabilidade intra e inter observador, além de erros de amostragem. O que torna o padrão difícil de ser aplicado em todos os pacientes. 4,5,6
  • Atualmente, não existe nenhum teste de fibrose disponível que seja conveniente, objetivo, reproduzível e acessível para todos os profissionais de saúde. 

What is the ELF Test?

O Teste ELF é um exame de sangue não invasivo que mede três marcadores diretos da fibrose: ácido hialurônico (HA), amino-terminal peptídeo pró-colágeno III (PIIINP) e inibidor de tecidos de matriz metaloproteinase 1 (TIMP-1). O teste ELF, em conjunto com outros achados laboratoriais e clínicos, pode ser utilizado para acessar o risco de progressão da cirrose e LREs em pacientes com doenças hepáticas crônica.7

  • Acesso a um teste não invasivo com um simples exame de sangue, disponível em todos os laboratórios e hospitais, compatível até mesmo para aqueles com diabetes mellitus tipo 2 e obesidade. 8,9
  • Melhorar o cuidado com o paciente identificando os pacientes NAFLD e estratificando aqueles com risco de progressão para cirrose e LREs. 7
  • Melhorar o gerenciamento de prognósticos de pacientes com um teste que tem demonstrado ser melhor do que uma biopsia em relação a avaliação do risco de progressão a cirrose e LREs.7

National Institute for Health and Care Excellence (NICE) NAFLD guidelines

A associação Européia para o estudo hepático (EASL) aprova o uso de métodos não-invasivos ao invés da biópsia do fígado para avaliar o grau de fibrose hepática em pacientes com Hepatite C. 10 As diretrizes do Instituto Nacional para Excelência no Cuidado com a Saúde11 recomendam o uso do ensaio ELF para testar e monitorar fibrose hepática avançada em pessoas diagnosticadas com o NAFLD.

  • Considere utilizar o teste ELF em pessoas que foram diagnosticadas com o NAFLD para testar para fibrose hepática avançada.
  • Utilize a retestagem para fibrose hepática avançada para pessoas com um score ELF menor que 10.51 a cada 3 anos em adultos e a cada 2 anos em crianças e jovens.
  • Considere utilizar o teste ELF para retestar pessoas com fibrose hepática avançada.

NICE Guidelines: Non-Alcoholic Fatty Liver Disease: assessment and management.