Teste de hemostasia e o seu importante papel para os pacientes com Covid-19


É impossível não notar, mas junto com a pandemia vieram também diversas expressões nunca antes tão usadas como quarentena, lockdown, nível de saturação (até como verbo “ele está saturando”), entubação / intubação*, entre outros. Nos testes então, são várias nova palavras: teste molecular, teste sorológico, gasometria, hemostasia e etc. Até a origem e quem fabrica as vacinas é de conhecimento público, como nunca antes visto. Para ajudar um pouco mais no conhecimento de todos, nesse espaço falaremos sobre o teste de hemostasia:

  • O que é?
  • Como é feito o teste?
  • Para quem é destinado?
  • Qual a sua relação com a Covid-19?
covid19

O sangue tem uma função importantíssima no corpo humano transportando oxigênio, mecanismos de defesa e proteção, leva nutrientes e regula a temperatura corporal, tudo isso passando pelos vasos sanguíneos. Quando ocorre um machucado e há sangramento, em uma pessoa saudável, ele irá parar automaticamente em um curto espaço de tempo para evitar que ocorra uma perda de sangue muito grande e, assim que o sangramento parar (coagulação), encerra-se um processo e outro inicia (fibrinólise) para a "limpeza" do coágulo. Toda essa cadeia de acontecimentos juntos é a hemostasia.

Covid19

Plaquetas aderindo a ferida

Por meio da coleta de sangue é possível verificar como está a quantidade de plaquetas presentes no organismo do paciente. Uma pausa para lembrar das aulas da escola: as plaquetas são as que ajudam a parar um sangramento quando se tem um machucado. Elas vão até a ferida e grudam umas nas outras fazendo uma espécie de “rede” para estancar o sangramento. Porém, as substâncias liberadas pelo machucado mais os compostos levados pelas plaquetas podem formar um coágulo. A contagem das plaquetas é feita nos equipamentos de hematologia.

Esse coágulo é feito de plaquetas, fibrina e células sanguíneas, e se formam na parede do vaso e no tecido machucado para "tampar" o buraco, por isso, quando o corte é profundo ou extenso temos que dar ponto, fica difícil parar todo o processo quando a área é maior. Numa pessoa saudável, o coágulo é eliminado quando não mais necessário. Mas, existem casos em que ele se despende do local e cai na corrente sanguínea e pode crescer ao ponto de bloquear o fluxo sanguíneo nas artérias e veias ou ser transportado para o cérebro ou outros órgãos. Quando uma dessas situações ocorre, pode provocar:

  • AVC isquêmico ou parada cardíaca
  • Trombose Venosa Profunda (TVP)
  • Embolia Pulmonar (EP)
covid19

Plaquetas ativadas e agregadas

Pacientes muito doentes ou que passam muito tempo hospitalizados possuem alto risco de desenvolver coágulos, além de casos como os de pessoas que passam longo período sentado em voos, home office, as grávidas, os idosos, diabéticos e pessoas com neoplasias.

P.S.: o coágulo no sangue é trombo, ele não pode ficar solto na corrente sanguínea.

Foi observado diminuição da contagem de plaquetas, antitrombina e fibrinogênio e aumento de Dímero D e TP INR em pacientes com a forma grave da Covid-19. Os estudos também mostram que, cerca de 25%1 ou até 70%2, têm Tromboembolismo Venoso (TEV) confirmado ou Embolia Pulmonar (EP). Além disso, aproximadamente, 70% dos pacientes com Covid-19 que vieram a óbito tiveram coagulação intravascular disseminada (CID).3

Enquanto a relação entre a Covid-19 e a Trombose ainda não está totalmente compreendida, muitos estudos e publicações relataram a Trombose e a TEV como as principais causas de morte nos pacientes. Por isso, o teste de hemostasia, a terapia de anticoagulação e o seu monitoramento, bem como esses pacientes demonstraram desempenhar papeis decisivos no gerenciamento da doença e prognóstico. Ainda que os estudos sobre o novo coronavírus estão ocorrendo no mundo todo, ele ainda se apresenta desafiador para a medicina.

*Acompanhe na editoria de CURIOSIDADES qual o modo certo de escrever “entubação ou intubação”. Você sabe?


Referências bibliográficas:

https://www.nejm.org/doi/full/10.1056/NEJMoa2028436

https://www.nature.com/articles/s41467-020-17317-y

https://www.eurekalert.org/multimedia/pub/238054.php