O caminho para a reabertura seguraDesde testes de laboratório em escala até testes próximos ao paciente, múltiplas opções de testes da COVID-19 nos levarão ao que está por vir.

Siemens Healthineers COVID-19 Hero Virus

Testes altamente precisos em escala são essenciais à medida que avançamos para as próximas fases da pandemia. Sejam testes feitos em laboratórios em todo o mundo ou em sua farmácia local, os resultados devem ser de altíssima qualidade para permitir a melhor movimentação segura em nossas comunidades. A Siemens Healthineers oferece um portfólio abrangente de testes, desde triagem e diagnóstico até gerenciamento e monitoramento de pacientes com COVID-19.

Testes no diagnóstico de infecção atual:

  • Os testes rápidos de antígenos podem ser realizados em qualquer lugar onde seja necessário o diagnóstico rápido da COVID-19, para pacientes com ou sem sintomas. Os espécimes nasais podem ser coletados por um prestador de cuidados da saúde ou auto coletados sob a supervisão de um profissional da saúde. Não é necessário equipe ou equipamento de laboratório. Os testes rápidos de antígenos também podem ser usados para autoteste em casa em alguns países.
  • Os testes de antígenos de laboratório podem ser usados para identificar rapidamente os indivíduos atualmente infectados com um fluxo de trabalho melhorado do swab para que o resultado saia em menos de uma hora. Estes testes permitem testes comunitários com equipamentos de laboratório rápidos e de alto volume e podem fornecer resultados automatizados, tornando mais ágil a comunicação às autoridades de saúde pública.
  • Os testes PCR moleculares são fundamentais para compreender um surto de doença infecciosa, e nosso ensaio RT-PCR é fundamental para detectar a infecção pelo SARS-CoV-2. Como a pandemia continua, as temporadas regionais de gripe e de outros surtos sazonais tornam cada vez mais importante poder entender se o patógeno SARS-CoV-2 está ou não causando os sintomas de um paciente.

Testes no monitoramento da resposta imune:

  • Os testes laboratoriais de anticorpos (sorologia) identificam anticorpos que podem estar presentes no sangue de um paciente. Estes anticorpos indicam se um indivíduo gerou uma resposta imunológica ao vírus. Este teste é fundamental para determinar o escopo completo da doença COVID-19, combatendo a pandemia e reconstruindo a confiança do público. Nossos testes têm sido e continuam a ser projetados com o máximo foco na ciência - fornecendo especificidade acima de 99% e baixas taxas de falsos positivos. E com uma das maiores bases instaladas de equipamentos de laboratório do mundo, somos capazes de fornecer acesso a testes de alta qualidade a centenas de milhares de pacientes. Estes testes também são fundamentais para permitir uma estratégia de vacinação eficaz e ajudar na busca de uma melhor compreensão da imunidade.

Testes COVID-19, explicado

Desde testes laboratoriais rápidos e em larga escala de antígenos, usados para diagnosticar e isolar rapidamente pessoas infectadas, até os testes PCR padrão ouro, para detecção precisa e precoce por meio de testes para o gerenciamento e monitoramento a longo prazo da doença, há muitas opções para combater a pandemia e reconstruir a confiança do público.


PPP Report on Antibody Testing

Um novo relatório do Public Policy Projects (PPP) no Reino Unido, em parceria com a Siemens Healthineers, considera os testes de anticorpos em potencial para aumentar a eficiência do programa de vacinação COVID-19, assim como as barreiras que existem atualmente. O relatório recomenda que a saúde pública, o pessoal do NHS e a indústria considerem a colaboração em novos e sustentáveis sistemas de diagnóstico e monitoramento pós-pandêmico.

O relatório identifica uma série de recomendações-chave que incluem:

  1. Os testes de anticorpos devem ser considerados como uma ferramenta de investigação, útil para a vigilância da população e para testar aqueles em risco de uma resposta vacinal sub ótimo.
  2. A medição dos níveis de anticorpos pós-vacinação para determinar a elegibilidade para uma vacina de reforço foi proposta como uma estratégia direcionada para a distribuição de vacinas. A adequação desta abordagem precisa de consideração urgente.
  3. Nações, como o Reino Unido, devem incentivar um esforço global, incluindo órgãos como os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) e os países do G7, para trabalhar no desenvolvimento de padrões de anticorpos COVID-19 com urgência.
* Não aplicável nos Estados Unidos.


Enquanto procuramos reabrir a sociedade, como ampliar os testes para grupos maiores de indivíduos? A realização de testes de antígenos utilizando um teste laboratorial de alta qualidade pode ser uma alternativa eficaz aos testes RT-PCR. Testes de laboratório de alta qualidade permitem testar grandes grupos de pessoas de forma rápida e segura, isolando casos positivos mais rapidamente do que RT-PCR, identificando assim os pacientes que precisam de acompanhamento mais cedo. Testes de laboratório com alta sensibilidade e amplo alcance clínico, como o ensaio do antígeno SARS-CoV-2 da Siemens Healthineers,3 podem ser uma ferramenta eficaz para nos levar ao que está por vir.


VariantPetrol

Aprender mais sobre como nosso sistema imunológico responde às variantes e como podemos diagnosticá-las é uma área de pesquisa necessária.

Tem havido muita discussão na mídia, bem como em artigos de pesquisa científica sobre as diferentes variantes do SARS-CoV-2 e seu impacto na propagação comunitária do vírus, bem como a mortalidade do vírus e o potencial para as variantes escaparem das vacinas ou nossa capacidade de detectá-las com ensaios. Variantes preocupantes continuarão a emergir, e uma vigilância reforçada apoiará uma identificação mais precoce. O que você sabe sobre as variantes e seu impacto sobre os programas de saúde pública?

O termo "variante viral" pode ser confuso e é frequentemente (e incorretamente) usado de forma intercambiável com outros termos, tais como mutações, cepas e linhagens. Estes termos são inter-relacionados, mas têm distinções.15 As mutações são normais, abundantes e esperadas, especialmente com um vírus RNA. Qual é a diferença entre variantes, mutações e linhagens?

Para entender melhor a preocupação com variantes capazes de escapar de anticorpos neutralizantes, é necessária uma compreensão das mutações de preocupação atuais. A identificação de "variantes preocupantes" em várias partes do mundo (incluindo aquelas inicialmente identificadas no Reino Unido, África do Sul, Brasil e Estados Unidos, mas agora detectadas em vários países) elevou o reconhecimento e motivou investigações.15, 17, 18 Mais variantes continuam a ser identificadas globalmente à medida que os países iniciam programas de vigilância de sequência aprimorada. O que você sabe sobre cada uma dessas "variantes de preocupação"?

Mais variantes continuam a ser identificadas globalmente à medida que os países iniciam programas de vigilância de sequência aprimorada, com o maior foco nas mutações na proteína Spike. Todas as vacinas atualmente aprovadas (e a maioria em desenvolvimento) têm como alvo a proteína Spike viral, que contém o domínio de ligação do receptor (RBD) que ajuda a ligar o vírus às células receptoras humanas.


1

2

3

4

5

6

7

8

9

10

11

12

13

14

15

16

17

18

19

20

21

22

23

24

25

26

27

28

29

30

31

32

33

34